quarta-feira, 3 de agosto de 2022

Evangélicos deixam Lahesio após traição a Bolsonaro

 


Não repercutiu nada bem no meio evangélico a posição de Lahesio Bonfim de não querer mais pedir votos para o presidente Jair Bolsonaro. A declaração do candidato em entrevista à TV Mirante ainda repercute bastante entre praticamente todas as denominações evangélicas, que consideram a postura uma traição.

Os evangélicos algeam que Lahesio está demonstrando falta de compromisso com os conservadores maranhenses. “Nós abraçamos a candidatura dele porque ele sempre disse que era de direita, era conservador, e que apoiava nosso projeto em defesa de Deus e da família, mas ele está sinalizando pro lulismo e assim nós estamos retirando nosso apoio”, afirmou um pastor que não quis se identificar. 

Durante entrevista à TV da família Sarney, Lahesio disse que não vai pedir voto pra nenhum candidato a presidente. Isso irritou bastante os apoiadores do presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!