segunda-feira, 18 de julho de 2022

Escândalo! Governo Brandão pediu afastamento de Promotora no caso criminoso do Ferry Boat

O governo Brandão encontrou uma forma simples e deplorável para tentar ocultar o escandaloso esquema do Ferry Boat: afastar a Promotora Lítia Cavalcanti

Procurador Geral de Justiça parece um militante político do governo Brandão
Após a Promotora de Defesa do Consumidor, Lítia Cavalcanti relatar escândalos envolvendo um Ferry Boat, tipo sucata, que veio para operar no sistema de travessia entre Ponta da Espera / Cujupe, que atende a baixada maranhense, o Governo do Maranhão pediu seu afastamento do caso.

A própria Promotora de Justiça concedeu entrevista coletiva e falou dos escândalos envolvendo o governo Brandão nos esquema do Ferry Boat. Durante a entrevista, Lítia falou sobre várias tentativas de frear o seu trabalho e que foi até cerceada em conceder entrevistas à imprensa, o que teria ocorrido em razão de ordem superiores do Ministério Público Estadual, enquanto havia um movimento de bastidores da Agência de Mobilidade Urbana para afastá-la.

Outra movimentação do governo Brandão foi no sentido de usar a imprensa palaciana na tentativa de constrangê-la divulgando informações sobre a atuação de seu filho como advogado para fazer crer que haveria possível conflito de interesses.

Após os claros golpes e encerramento do Inquérito Civil, Lítia Cavalcanti afirmou que encaminhará o inteiro teor processual à Polícia Federal, por conta dos últimos acontecimentos envolvendo os ataques e denúncias que chegaram recentemente ao conhecimento da promotoria.

No vídeo acima, a deputada estadual Drª Thaíza classificou a atitude do Governo do Maranhão como um ato covarde, perseguidor e desrespeitoso.

“ato covarde, perseguidor e desrespeitoso, com uma mulher que já atua há 29 anos em sua carreira, sem nenhum fato que manchasse sua imagem” disse a deputada Drª Thaíza. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!