terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

Depois de eleger Rubens Junior e Duarte, Data Jerry inventa liderança de Brandão

Contrariando a lógica e todas as pesquisas divulgadas até o momento o Instituto Data Ilha, conhecido na Cabana do Sol da Ponta do Farol como “Data Jerry”, divulgou nesta terça-feira (15) a pesquisa embargada no final de semana pela Justiça Eleitoral. 

Pertencente ao comunista Marcos Grande, filiado ao PCdoB e atual presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, o instituto tenta agradar o tucano Carlos Brandão e animar o entorno do Palácio dos Leões, abalado pela ampla liderança do senador Weverton Rocha mesmo após a opção de Flávio Dino pelo vice-governador. 

O Data Ilha, que já elegeu os “juniors” Rubens Pereira e Duarte na disputa pela Prefeitura de São Luís, apresenta o desconhecido Brandão na “liderança” do cenário espontâneo. No quesito estimulado, os números entram em parafuso e apresentam Weverton na liderança, mas tecnicamente empatado com o futuro “patrão” de Marcos Grande. 

A pesquisa apresenta ainda outras inconformidades. Contratada pela Band Maranhão, foi divulgada por uma tal TV Metropolitana de São Luís. O resultado do levantamento dinista deveria ter sido publicado no domingo (13), contudo terminou vetado em razão de inconformidades nos formulários e divergências com os resultados apresentados pelos outros 13 levantamentos estaduais divulgados no Maranhão no último ano.

Grande, o dono do instituto, é cotado para a Secretaria de Saúde do governo tampão de Brandão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!