terça-feira, 30 de novembro de 2021

Eleições 2022: PDT terá candidatura Coletiva de movimentos sociais no Maranhão

Congresso Estadual do PDT Diversidade aprovou a pré-candidatura coletiva do movimento LGBTQIA+  

Aconteceu em São Luís, o 2º Congresso Estadual do PDT Diversidade. O evento contou com a presença da Presidente Nacional do Diversidade PDT, Amanda Anderson, do Presidente Estadual, Jorge Beckman e do Presidente Municipal, Márcio Cruz, além da participação efetiva dos filiados do movimento Diversidade PDT e dos filiados das demais instâncias partidárias.

O Congresso Diversidade PDT teve como tema: “A importância do LGBTQI+ na política institucional”, cuja discussão promoveu diversas reflexões de acordo com a conjuntura nacional e estadual, respectivamente. O evento objetivou também a realização das eleições para a escolha da nova diretoria estadual, onde os filiados reconduziram Jorge Beckman ao cargo de Presidente Estadual do Diversidade PDT para o biênio de 2022-2024.

Ao final do congresso, os movimentos partidários sendo eles: Movimento Comunitário, Diversidade e Movimento Negro lançaram a pré-campanha do “Coletivo Mais”, que trás a proposta da unificação dos movimentos do PDT em torno do lançamento de um nome oriundo da militância pedetista para concorrer ao cargo de deputado estadual nas eleições que se aproxima.

O Presidente Municipal do Movimento Negro, Wagner Lopes destaca que a proposta do coletivo trata-se da construção de uma outra forma de fazer política partidária. É também, mostrar que é possível sonhar”.

Para Vânia Frazão, Secretária Estadual do Movimento Negro, o Coletivo Mais nasce trazendo em si, uma proposta ousada e inovadora.

“Neste projeto carrega-se não mais a semente de um sonho, mais a concretização da verdadeira valorização dos militantes pedetistas através de uma candidatura alicerçada nos ideais do trabalhismo. Por isso, entendemos que este é o momento de acontecer a solidificação da representatividade da militância partidária”, afirmou Vânia.

Segundo o presidente estadual do Diversidade PDT, Jorge Beckman, “Construir esse coletivo embasado nas diretrizes do PDT é um momento muito importante e corajoso para a militância do Diversidade”. “Fazer o Coletivo Mais é construir propostas onde os movimentos serão protagonistas”, finalizou o idealizador do Coletivo Mais.

Um comentário:

  1. O PDT e os seus aliados, que ainda mamam nas tetas do governo, só têm até 31 de janeiro pra subirem ou descerem do foguete do maragato.
    Continuam respirando por aparelhos...
    TUDO COMBINADO!!

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!