segunda-feira, 19 de julho de 2021

Não é de hoje que arbitragens sulistas detonam o futebol maranhense; desta feita a arbitragem foi do Planalto Central

Maguielson Lima Barbosa, do Distrito Federal, foi o árbitro do jogo. Foto: Lucas Luckezie/ge.globo 

O Sampaio Corrêa, único representante do Maranhão no campeonato que dá acesso à elite do futebol brasileiro, o brasileirão da série B foi “garfado” pela arbitragem do trio, Maguielson Lima Barbosa e os assistentes Lehi Sousa Silva e Lucas Costa Modesto. A “barbeiragem” foi tamanha, que até o ex-arbitro de futebol, hoje comentarista de arbitragem da Rede Globo, Paulo César de Oliveira ficou constrangido.

Deste jeito a promessa do presidente Sérgio Frota, em colocar a “Bolívia” na série A, do ano que vem fica mais difícil, ter que contar com o sócio torcedor e torcer para ter uma arbitragem no mínimo imparcial.

Em tempo: não é de hoje que a arbitragem interfere em resultados no Maranhão.

E mais: esta arbitragem absurda fez com que o Sampaio saísse da terceira para a quinta colocação, saindo portanto, do G4.

Pra fechar: a arbitragem levou no mínimo, dois pontos do representante maranhense na competição.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

Assembleia Legislativa do Maranhão

2º Encontro Nacional de Proteção a Comunicadores

Instituto Vladimir Herzog

ABRAJI

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook