quarta-feira, 11 de novembro de 2020


Série "Consultório da Corrupção" vem revelando as fórmulas usadas pela médica Tatyana Mendes em supostos atos de improbidade

Trocadilhos como a "Saúde está na UTI" e a "Educação está reprovada", algumas vezes, estão sendo repetidos por moradores de Porto Rico do Maranhão, que reclamam do mais completo abandono da cidade, que completou 26 anos de fundação nessa terça-feira (10). A realidade das duas áreas no município não é nem um pouco favorável neste final de ano. Se a situação dos alunos não será boa na volta às aulas na rede municipal, que está marcada para o fim de janeiro e início de fevereiro, a dos usuários da rede de saúde é complicada todos os dias, indistintamente.




Na educação, por exemplo, o espaço que deveria ser de aprendizado é o retrato do caos. Problemas estruturais em escolas da rede municipal comprometem as atividades, e, em alguns casos, colocam em risco os alunos. Das escolas existentes no município, um documentário já mostrado aqui, constatou irregularidades na infraestrutura de várias unidades, sendo que no povoado Rabeca, foi constatado o abandono nas obras de uma dessas unidades. No povoado Remanço, o caos envolve o abandono de uma creche que virou obra fantasma.


A situação é provocada pela inabilidade da gestão da prefeita Tatyana Mendes, a Dra Tatyana, que tem conjecturado a fragmentação da rede de ensino do município que, atualmente, vivencia uma das maiores crises na história. O calamitoso cenário da educação pública na cidade portoriquense é protagonizado por uma gestão fraca que, visivelmente, não consolida em suas prioridades administrativas a implementação de políticas públicas educacionais. E esta carência tem afetado todo o corpo educacional – alunos e professores.


Na área da saúde, as UBS de alguns povoados servem para ilustrar a situação da rede. Hoje, não consegue corresponder por atendimentos mais simples, como suturas e pequenas emergências. Médica de formação, Dra Tatyana deveria saber que a situação também pode comprometer a saúde dos pacientes que buscam os postos para atendimento.


PROBLEMAS À VISTA

Os problemas se arrastam por todas as áreas da administração. São verdadeiros crimes contra o erário público, que vão, de contratação irregular e superfaturamento de suplementos. A infraestrutura da cidade é um retrato sem retoques da inércia e da falta de comprometimento com a população.


Além disso, povoados do município estão quase isolados por conta das estradas que estão visivelmente intransitáveis, provocando  prejuízos e revolta da população. Sem ponte, moradores acabam se arriscando ao passar por pinguela. 


Os atos de improbidade administrativa estão sendo denunciados aos órgãos de fiscalização e esperamos que o Ministério Público possa se fundamentar na indignação e revolta da própria população, como forma de evitar que Tatyana Mendes continue  o seu processo de depredação do município. Tem que haver um basta.


Para revelar essas e outras irregularidades, o blog iniciará hoje a série "Consultório da Corrupção", que servirá para revelar as fórmulas usadas pela médica Tatyana Mendes, em supostos atos descarados de improbidade na prefeitura portoriquense. 


Além de mostrar a vida luxuosa da prefeita de um dos municípios mais pobres do estado, os episódios vão revelar ainda os detalhes de um suposto esquema de “funcionários fantasmas” envolvendo a administração municipal e “alunos fictícios”, com o objetivo de inchar os dados do censo escolar e conseguir mais recursos do governo federal.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

2º Encontro Nacional de Proteção a Comunicadores

Instituto Vladimir Herzog

ABRAJI

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook