terça-feira, 27 de outubro de 2020

Não surpreende ninguém que o deputado estadual Yglésio Moyses, candidato do PROS na disputa pela Prefeitura de São Luís, esteja em conflito com a verdade e os fatos, mas ele se superou hoje ao ocupar a tribuna da Assembleia Legislativa, para fazer críticas há algumas propostas repassadas por seus opositores, que pleiteiam a cadeira do Executivo Municipal.

O candidato do PROS que vem reiteradamente criticando as propostas de alguns candidatos, sem conhecimento no orçamento previsto para o ano de 2021 e ignorando programas e ações do governo Edivaldo, demonstra ser um especialista em aula de manipulação.

Yglésio alcançou a proeza de atacar e chamar de inviável o pagamento de um auxílio emergencial em São Luís, proposto pelo candidato Duarte Júnior (Republicanos). 

O candidato do Pros critica com a dor de cotovelo de quem não passa dos 1% nas pesquisas. Mas, afinal, Yglésio está certo? Não! O discurso é mais um daqueles que não passam pelo detector de mentiras. 

O titular do blog fala isso baseado nos fatos de quem cobre a Câmara Municipal e acompanha as ações da prefeitura. A proposta do auxilio de Duarte é seria viável? Sim, pois desde junho o próprio prefeito Edivaldo paga auxílio-renda na capital maranhense, depois de um projeto autorizando o benefício ter sido aprovado pelo legislativo.

O auxilio que Yglesio, por desconhecimento, achar ser impossível, já faz parte da política de assistência social da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior para enfrentamento da pandemia da Covid-19.


O benefício de R$ 40, 00, pago em duas parcelas, abril e maio, está sendo ofertado para mais de 12 mil famílias que vivem na extrema pobreza, e se enquadrem nos perfis de beneficiária do programa Bolsa Família, ter renda familiar per capta mensal até R$ 89,00, ter como chefe do grupo familiar a mãe, ter na sua composição familiar crianças de 0 a 3 anos de idade e possuir o Cadastro Único atualizado nos últimos dois anos.

Poderia até parecer que, finalmente, Yglesio confessava ser um fabricante de notícias falsas. Mas era só o exemplo mais nítido de seu método de manipulação. O deputado adultera fatos e frauda todo tipo de informação sem corar. Além disso, não custa lembrar que ao criticar a proposta de Duarte, Yglesio acaba desmentindo a si próprio já que também propôs o PAPI, programa de transferência de renda de até R$ 200,00 para famílias com crianças de 0 a 6 anos.

A REVOLTA DO 1%

Yglesio vem protagonizando asneiras desde a noite de ontem, quando se revoltou com os institutos de pesquisas que lhe coloca com 1% das intenções de votos. O candidato do Pros acha que venceu todos os debates e por isso deveria estar bem melhor nas pesquisas. Já falei neste blog, que por ocasião de debates anteriores, existe uma diferença entre ser o melhor e vencer o debate. 

Não adianta ter tido o desempenho mais robusto se o telespectador achar o contrário. Um ou outro candidato pode até ter boa desenvoltura. Mas dizer quem venceu, aí, quem tem autoridade pra dizer, é o eleitor. E, por enquanto, o eleitor tá dizendo que Yglesio não venceu. Talvez a prepotência dele possa explicar essa sensação de vencedor dos debates!

PERGUNTAR NÃO OFENDE

Será  que o incômodo é a pesquisa feita pelo Instituto Interpreta/TV Guará  revelar que o candidato está atrás  nas pesquisas do Candidato Hertz Dias(PSTU), homem  de cor preta e oriundo de periferia ???

Um comentário:

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

2º Encontro Nacional de Proteção a Comunicadores

Instituto Vladimir Herzog

ABRAJI

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook