quinta-feira, 11 de junho de 2020

A Federação dos Municípios do Estado do Maranhao desde o início do período de pandemia, reinteradamente tem orientado os gestores sobre a utilização correta dos recursos destinados ao fortalecimento do sistema de saúde para evitar entraves judiciais.

 

A Coordenação Jurídica da Famem divulgou cartilha neste sentido, contendo orientações sobre decretos referentes ao Estado de Calamidade, assegurando assim procedimentos legais na aquisição de equipamentos e contratação de serviços neste período.

É notório que na fase inicial da doença enfrentamos dificuldades em encontrar insumos na batalha contra a Covid-19 em âmbito estadual, repetindo o que ocorreu País afora e em vários outros países do mundo.  Toda a população acompanhou os preços abusivos praticados por grupo restrito de fornecedores de EPIs e material de higienização. O caso mais emblemático foi o preço do álcool em gel quando este era encontrado para comercialização.

A Federação tem como bandeira o fortalecimeno das causas municipalistas e envidará todos esforços no atendimento à população neste momento de gravidade e ameaça ao bem mais caro, que é a vida.

Nos próximos dias, vamos mais uma vez editar recomendações para que os gestores evitem desgastes desnecessários e se submetam a pré-julgamentos infundados e injustos.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

Prefeitura de São Luís - VACINAS

2º Encontro Nacional de Proteção a Comunicadores

Instituto Vladimir Herzog

ABRAJI

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook