sexta-feira, 29 de maio de 2020

Auxílio Emergencial: 4ª parcela pode ser liberada em Julho

 
Em entrevista à rápido Jovem Pan, o presidente Jair Bolsonaro que por enquanto está sem partido, confirmou o interesse na extensão do Auxílio Emergencial que paga hoje R$ 600. A extensão não será de um valor maior pago na terceira parcela ou novos beneficiários, mas sim de uma quarta parcela.

4ª parcela do Auxílio Emergencial

A quarta parcela do auxílio emergencial será diferente das demais, isso porquê se concretizando a quarta parcela pagará um valor menor para que o governo possa conseguir manter um pagamento a quem precisa. Vale lembrar que Bolsonaro informou interesse em prolongar para quem sabe até uma quinta parcela.

“Conversei com o Paulo Guedes [ministro da Economia] que vamos ter que dar uma amortecida nisso daí. Vai ter a quarta parcela, mas não de R$ 600. Eu não sei quanto vai ser, R$ 300, R$ 400; e talvez tenha a quinta [parcela]. Talvez seja R$ 200 ou R$ 300. Até para ver se a economia pega”, relatou o presidente..
“Não podemos jogar para o espaço mais de R$ 110 bilhões, que foram gastos dessa forma. Isso vai impactar nossa dívida, no Tesouro”.
Paulo Guedes confirma interesse na prorrogação

Paulo Guedes, ministro da economia, confirma essa possibilidade de prorrogação do auxílio emergencial por até dois meses. Vale lembrar que para ele o valor também teria que ser de R$ 200 que é o valor inicial proposto pelo auxílio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!