Assembleia Legislativa

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Brasil bate recorde em medalhas de ouro e termina PAN em 2º lugar
Delegação brasileira foi a menor de todas as já enviadas à competição, mesmo assim os resultados foram surpreendentes
A delegação brasileira fez ‘barba, cabelo e bigode’, nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, que se encerrou ontem (11). O Brasil conseguiu um fato inédito: quebrou o recorde de medalhas de ouro, com 55, três a mais que no Pan de 2007, no Rio de Janeiro, subiu ao pódio por mais vezes como jamais havia feito, com 171 vezes, e para fechar encerrou o evento em segundo colocado no quadro geral de medalhas, atrás apenas do poderoso Estados Unidos. O Brasil fechou competição com 55 ouros, 45 pratas e 71 bronzes.
O Comitê Olímpico do Brasil (COB) não tinha colocado uma meta em número de medalhas ou de pódios, nem posição no quadro. Para a entidade que comanda o esporte no país, o importante era a conquista de vagas olímpicas e a melhora do desempenho da maioria dos esportes com relação a Toronto 2015. O país garantiu, pelo Pan, um lugar na Olimpíada no handebol, hipismo, tiro com arco, tênis de mesa, tênis, pentatlo e vela, mas acabou sucumbindo no handebol masculino e no tiro esportivo.
Outro recorde interessante atingido pelo Brasil foi o de número de modalidades que foi ao pódio. O Brasil conquistou medalha em 41, mais que os 40 do Rio 2007. Nos títulos, foram 22 modalidades com ouros, repetindo as 22 de 2007. Com menos de 500 atletas, delegação foi a menor desde 2003, o Brasil se destacou muito mais em esportes individuais do que nos coletivos.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

ABRAJI

Parlamento Estudantil

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Instituto Vladimir Herzog

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook