Assembleia Legislativa

terça-feira, 16 de julho de 2019

Polícia Civil prende membros de organização criminosa na Península em São Luís
A Polícia Civil e o Ministério Público do Maranhão deflagraram agora há pouco na Península da Ponta da Areia, uma operação que culminou com as prisões do secretário municipal de infraestrutura de Aldeias Altas, Antônio José Sousa Paiva, e do presidente da Comissão Permanente de Licitação do município, Jaime Neres dos Santos.
Investigação do GAECO e SECCOR identificou um superfaturamento na contratação da empresa M. L. Barroso Moura – ME, para serviços de limpeza urbana na cidade de Aldeias Altas no ano de 2017. O contrato foi aditivado em 2018 e 2019.
A investigação apontou também fraudes no processo licitatório envolvendo a empresa vencedora e as demais perdedoras do certame, a Impacto Construção Civil Ltda, recebeu mais de R$ 1 milhão da empresa vencedora M. L. Barroso Moura – ME, numa espécie de compensação entre sí. A empresa beneficiada com o repasse é de responsabilidade de Paulo Valério Mendonça.
Ainda segundo as investigações, a empresa M. L. Barroso Moura – ME transferiu dinheiro ainda para parentes do secretário de infraestrutura, Antônio José Sousa Paiva, e do presidente da Comissão Permanente de Licitação, Jaime Neres dos Santos, como consta na investigação.
No total foram presos cinco pessoas na operação que cumpriu mandados de busca e apreensão em Aldeias Altas, Caxias e São Luís. Os mandados de prisão foram expedidos pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Caxias.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

ABRAJI

Parlamento Estudantil

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Instituto Vladimir Herzog

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook