Assembleia Legislativa

segunda-feira, 10 de junho de 2019

Mais um blogueiro sofre tentativa de homicídio no Maranhão
O titular deste Blog esteve recentemente, em Fórum de Defesa de Comunicadores na cidade de São Paulo, e por incrível que pareça o Maranhão está entre os estados que mais são registrados casos de agressão, tentativa de homicídio e mortes de comunicadores no Brasil. 
O fato mais novo vem da cidade de Presidente Juscelino, na qual um sobrinho do prefeito e um motorista da prefeitura espancaram o jornalista e blogueiro Neto Cruz.
Neto Cruz foi "grampeado" pelo pescoço e levou socos e chutes 
A tentativa de homicídio ocorreu na madruga desta segunda-feira (10), por volta das 00h30min, no município de Presidente Juscelino, o Jornalista e Blogueiro Neto Cruz foi covardemente espancado por duas pessoas ligadas à gestão do Prefeito de Presidente Juscelino, Magno Teixeira (PSDB). O profissional da imprensa faz críticas pontuais à gestão, estava na cidade fazendo cobertura jornalística sobre os 55 anos de emancipação política do município.
Camisa do jornalista ficou rasgada
O primeiro agressor trata-se de Maycon Nanderson - vulgo “Nando” - sobrinho do prefeito Magno Teixeira e pessoa responsável, segundo interlocutores do Blog, por distribuir internet para órgãos da prefeitura. O mesmo já tem histórico de agressão na cidade e, antes do ocorrido, já havia tentado intimidar o Jornalista na festa que acontecia em praça pública, em alusão ao aniversário da cidade.
Temendo o pior, Neto Cruz decidiu ir para casa, para se resguardar e manter sua integridade física, o que não foi possível. Poucos metros de onde acontecia o evento, o Jornalista foi abordado pelo sobrinho do prefeito, Maycon Nanderson e por um motorista que presta serviço na secretaria de educação do município, por nome Paulo Ricardo Guimarães - vulgo “Tatá” -, que segundo apurou o Blog estaria tentando concorrer ao cargo de Conselheiro Tutelar do município.
Numa sequência de socos na cabeça, costas e costelas, os dois em conjunto rasgaram a camisa do Jornalista, além de tentá-lo arrastar a contragosto para longe do público, quando o mesmo foi socorrido por um morador do município, que lhe deu refúgio.
Depois disso, ambos voltaram para o camarote que se localizava de frente para o palco onde a festa acontecia, como se nada tivesse acontecido e onde o prefeito, tio de Nanderson, estava presente. Acionados, os agentes da Polícia Militar presentes no local disseram que não “poderiam fazer nada”.
Pela manhã, o Jornalista se direcionou à Delegacia Civil de Rosário, onde registrou ocorrência e já acionou seus advogados para tomas as devidas providências.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!!! Continue conosco!!!

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

ABRAJI

Parlamento Estudantil

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Instituto Vladimir Herzog

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook