PREFEITURA DE SÃO LUÍS

PREFEITURA DE SÃO LUÍS
quarta-feira, 22 de maio de 2019

Há duas décadas a desgraça, discórdia e corrupção imperam em Paço do Lumiar
O município de Paço do Lumiar está jogado às traças desde a virada do milênio, há cerca de 20 anos, todos os gestores já foram condenados, denunciados e/ou presos por improbidade administrativa, corrupção, peculato e lavagem de dinheiro.
Prefeito eleito em 2000, Mábenes Fonseca que prometia “mudar” a cidade de Paço do Lumiar se envolveu em escândalos, crimes e foi parar na Penitenciária de Pedrinhas. O crime mais memorável que se tem da época foi a compra de um vestido, por cerca de R$ 400 Mil que rendeu muita confusão no Paço – o prefeito foi cassado e quem assumiu foi o vice, Gilberto Aroso.
Gilberto Arôso assumiu o mandato em 2003, com o afastamento e a prisão do então prefeito. Daí pra frente até que imprimiu um ritmo de trabalho na cidade, à sombra dos ex-governadores Roseana Sarney e Zé Reinaldo. Gilberto foi reeleito e ficou à frente do município até 2009 – denúncias de crimes de toda espécie, tais como: fraude em licitação, desvio de dinheiro público e improbidade administrativa pesaram contra Gilberto, que foi também parar em Pedrinhas.
Bia Venâncio, eleita em 2009, só ficou até o mandato em 2012, quando foi afastada pela justiça por crime de improbidade administrativa – também foi presa. Ela foi substituída pelo vice, Raimundo Filho, que também foi denunciado pelo Ministério Público.
Outro que prometeu mudar a cara do “Paço” foi Josemar Sobreiro, o “pofeçor”, que assumiu em 2013, e que também realizou uma administração desastrosa na cidade, por pouco não foi preso, mas responde a uma série de inquéritos e processos na justiça, todos interpostos pelo Ministério Público – ele conseguiu finalizar o mandato, com liminares, mas, ainda hoje está muito enrolado com a Justiça.
Eleito em 2016, o famigerado Domingos Dutra, o “Futi”, foi eleito com o discurso da honestidade e moralidade que sempre pregou. Ao assumir, deu logo plenos poderes à esposa Núbia Dutra, que era secretária de tudo em Paço do Lumiar.
Em apenas 2 anos e 5 meses, a dupla Domingos e Neusilene Dutra, não deixam para trás em nada os antigos gestores. O Ministério Público do Maranhão, em Paço do Lumiar já denunciou o casal em cerca de 15 ações por improbidade administrativa, peculato, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, crime de responsabilidade.
E ao que tudo indica, o destino do atual prefeito e da supersecretária nã será outro que não seja a BR 135.  

Um comentário:

  1. nosso paco precisa de um prefeito que preste, infelizmente todos pensan que podem roubar e fkar por isso mesmo, a justica tarda mas nao falha..

    ResponderExcluir

ABRAJI

ANIVERSÁRIO GROOVAÊ

ANIVERSÁRIO GROOVAÊ

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Instituto Vladimir Herzog

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook