Publicidade

Publicidade
terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Ministério Público do Maranhão pede a suspensão do Carnaval de São Luís
Marlon Botão e Carlos Janot - Empresa Fênix e IMCEL se revezam no comando do dinheiro da Cultura de São Luís
Empresa Fênix (CJA Campos Serviços) e o Instituto Maranhense de Cultura, Esporte e Lazer – IMCEL, já faturaram mais de R$ 11 Milhões, em apenas dois anos e cinco meses após a primeira relação pública registrada em documento entre o secretário municipal de Cultura de São Luís, Marlon Botão e o empresário Carlos Junot Araújo Campos.
Para o Carnaval deste ano, o dinheiro já está emprenhado, veja aqui neste LINK EMPENHO CARNAVAL 2019
O IMCEL já faturou emendas vereadores da Câmara Municipal de São Luís, somando muito dinheiro para “realizar” atividades festivas na Capital Maranhense – o dinheiro sempre sai da Cultura.
Conforme apuração do Blog do Domingos Costa, no dia 23 de setembro de 2016, Carlos Junot recebeu um patrocínio [leia-se apoio] da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), na conta bancária da empresa em seu nome, C.J.A Campos Serviços, ou Fênix Produções, para a realização do evento “Impacto 2016”.
Registrada junto à Receita Federal na Avenida Castelo Branco, Edifício Tokio, sala 103, bairro São Francisco em São Luís, a empresa Fênix Produções recebeu o valor de R$ 87 mil reais, para executar o evento conforme diz o extrato de contrato de patrocínio 49/2016.
No ano seguinte, mais precisamente no dia 17 de fevereiro de 2017, o segundo contrato, nº 05/2017, desta vez com um valor mais robusto, de R$ 400 mil, com finalidade de prestação de serviço para atender a demanda do projeto oriundo do Convênio nº 796218/2013. A C.J.A Campos Serviços, ou Fênix, recebeu o dinheiro para capacitar organizações culturais para a criação da Rede de São Luís de Projetos Ponto de Cultura.
Já em 2018, agora não mais como dono da Fênix Produções, Calos Junot torna-se presidente do Instituto Maranhense de Cultura, Esporte e Lazer (IMCEL), registrado na Avenida dos Holandeses Nº 07, Sala 906, edifício Metropolitan Market Place, em São Luís. A entidade recebeu o valor de R$ 2.529.325,95 (dois milhões quinhentos e vinte e nove mil trezentos e vinte e cinco reais e noveta e cinco centavos) para realizar o carnaval do ano passado, meses após, mais R$ 3 milhões para o São João da Maria Aragão.
Naquele mesmo ano, outros três eventos direto na conta do IMCEL: o aniversário de São Luís, a Feira do Livro e as festividades do Natal. O primeiro evento no valor de R$ 894.418,80; o segundo, pelo preço de 427 mil, e o terceiro, custou R$ 749,974,50.
Agora, em 2019, a relação ‘Botão/Junot’ permanece inabalável, juntos, a dupla assinou mais um contrato milionário, nº 01/2019, assinado no último dia 31 de jeneiro, ao valor de mais de R$ 3 milhões para a realização do Carnaval da Passarela, no Anel Viário. O dinheiro já está todo empenhado…
Fora os contratos, o IMCEL ainda recebeu dinheiro de emendas de vereadores de São Luís, mas essa é outra história que contarei em outros posts…

0 comentários:

Postar um comentário

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja