Publicidade

Publicidade
quarta-feira, 5 de setembro de 2018

No Maranhão, até falecido assina pedido de registro de pesquisa eleitoral 

O Tribunal Superior Eleitoral - TSE, deve urgentemente criar critérios para o registro de pesquisas no Maranhão, agora se sabe, comprovadamente, que até uma pessoa morta assinou pedido de pesquisas eleitorais no estado.

A denúncia foi feita por parte da imprensa maranhense, tratando da Econométrica que foi divulgada exaustivamente na comunicação do governador Flávio Dino (PC do B), ocorre que o pedido de homologação da pesquisa foi feita por uma pessoa já falecida, a professora Celene Raposo de Aquino, que mesmo morta responde como responsável técnica.

Mais escandalosa ainda, a pesquisa Econométrica foi iniciada no dia 21 de agosto e registrada no dia 26 de agosto, neste período a professora Celene já havia falecido mais ou menos 20 dias antes do início da coleta de dados.

Uma denúncia sobre pesquisas falsas e fantasmas deve ser protocolizada ainda hoje (5), no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão - TRE e em seguida encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral – TSE, para o devido acompanhamento de sondagens eleitorais no Maranhão.

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Auto Escola Positivo

Auto Escola Positivo

Facebook

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com