Publicidade

Publicidade
terça-feira, 15 de maio de 2018

O Blog teve acesso ao primeiro áudio das conversas do Breno Morais dirigente do Botafogo-PB, durante os grampos da Polícia Civil e o Ministério Público



[audio mp3="http://filipemota.com.br/wp-content/uploads/2018/05/WhatsApp-Audio-2018-05-15-at-15.14.28-online-audio-converter.com_.mp3"][/audio]

No aúdio acima é o vice-presidente de futebol do Botafogo-PB, Breno Morais, em um telefonema do dia 15 de fevereiro, Breno é flagrado conversando com José Renato. Na ocasião, ele cobra o ex-presidente da Comissão de Arbitragem que cumpra os acordos feitos. E a negociação não envolvia apenas jogos do Botafogo.  O dirigente aparece pressionando que José Renato interfira na partida entre Atlético de Cajazeiras e Sousa. Segundo Breno, ‘quem tem que ganhar é o Atlético”.


Na conversa, Breno diz que acordo é acordo.  Você tem que cumprir seus acordos que você faz”Breno diz ainda que tem que “botar um cara que vá lá, que a gente chegue para o cara, resolva lá a situação e resolva a parada”.


Por fim, Breno diz que “é domingo ou domingo, Zé, não tem outra data. Esperei até agora e esperei para a data certa, tem que o Sousa perder e a gente ganhar. Eu prefiro arriscar com o Renan junto com o Bosco e tirar esse menino inexperiente”, falou.


Outros audios mostram transcrições de conversas que envolvem Amadeu Rodrigues, presidente da FPF, Marco Souto Maior Filho, conhecido como Marquito, advogado da FPF, Zezinho do Botafogo, presidente do clube, Breno Morais, vice-presidente de futebol do Belo e José Renato, então presidente da Comissão de Arbitragem da FPF.

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Auto Escola Positivo

Auto Escola Positivo

Facebook

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com