Publicidade

Publicidade
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Os empresários querem aumentar a passagem para R$ 4,16. Transporte em São Luís é licitado; Prefeitura diz que não aumenta mais do que R$ 3,10 e discussão deve ir à Justiça 



O tema foi, é e sempre será polêmico quando se trata de aumento de tarifa no transporte coletivo, seja em São Luís ou em qualquer lugar do Brasil, principalmente por se tratar de impacto no bolso de trabalhadores, estudantes, pais e mães de famílias.


Em São Luís, o transporte coletivo público foi licitado e a competência são dos consórcios que operam o sistema, contudo, compete ao poder público municipal, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte - SMTT, gerir, planejar, supervisionar, fiscalizar o serviço público de transporte coletivo urbano.


Está previsto nas cláusulas contratuais do contrato de concessão, o REAJUSTE das tarifas e  com as alterações tarifárias, os níveis I e II, que correspondem ao sistema não integrado, passam a custar para o usuário do setor a quantia de R$ 2,70. Já o sistema integrado passou de R$ 2,90 para R$ 3,10.


Mas, o Sindicato dos empresários, SET, afirma que mesmo após o anunciado reajuste de tarifas do transporte público, o sistema ainda pode parar porque o aumento não é o suficiente para a categoria.


De acordo com o SET, em virtude dos investimentos após a licitação, a tarifa adequada seria de R$ 4,16.


Portanto, como a Prefeitura de São Luís não vai conceder aumento além de R$ 3,10, o que vai acontecer é que o dirimir das cláusulas contratuais vai parar na justiça. Com mandado de segurança para um, liminar para outro, e assim caminhará a discusssão do transporte coletivo de São Luís.

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Sarará Grill

Sarará Grill
Encontro de amigos com Churrasco, Futebol e Cerveja

Auto Escola Positivo

Auto Escola Positivo

Facebook

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com