quarta-feira, 12 de agosto de 2020

 

Com o intuito de ampliar os beneficiários do programa Tarifa Social na rede pública estadual de ensino do Maranhão, representantes da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), da Defensoria Pública e Equatorial Energia reuniram-se nesta quarta-feira (12), na sede da Secretaria, no bairro Jardim São Francisco. A ideia foi discutir ações conjuntas para possibilitar o acesso de estudantes e de suas famílias, com direito ao benefício do programa.

O subsecretário da Seduc, Danilo Moreira, explicou que a parceria irá garantir que pessoas na rede de ensino possam acessar benefícios e direitos condizentes com o perfil socioeconômico, como o desconto na conta de energia elétrica, que chegar até 65% do valor da tarifa. “Com a parceria da Defensoria e a Equatorial faremos uma busca ativa para que a gente possa oferecer melhores condições a essas famílias. À medida que a Seduc cria melhores condições econômicas para essas famílias, evitamos a evasão escolar e ajuda na aprendizagem dos filhos desses trabalhadores, pais de alunos da rede estadual”, destacou.

Danilo Moreira também informou que, além da busca ativa, será realizada uma ação conjunta de comunicação para informar estudantes, pais e professores acerca dos benefícios. “Nossa ideia é, a partir do ano que vem, solicitar no ato da matrícula, como informação obrigatória, o número do NIS (Número de Identificação Social) e da conta contrato junto à Equatorial, para o desconto dessa tarifa”, ressaltou.

Segundo o defensor-geral do Estado, Alberto Bastos, todos os encaminhamentos discutidos na reunião constarão no termo de cooperação, que será assinado em breve pelas instituições parceiras. “Estar mais próximo da comunidade, intensificando a nossa atuação em favor da coletividade, é uma de nossas prioridades. Por isso, o nosso empenho em aumentar a cobertura desse programa, cujos benefícios podem impactar a vida de 350 mil famílias, ou seja, cerca de 1 milhão de pessoas, se considerarmos uma família, em média, com três integrantes”, afirmou.

Alberto Bastos ainda manifestou a sua gratidão pela receptividade da Seduc à iniciativa. “E desde já agradecemos a toda equipe da Seduc, na pessoa do subsecretário Danilo, pelo olhar sensível a esta demanda, demostrando o seu compromisso com a promoção dos direitos humanos daqueles que mais precisam”.

“Com a parceria da Secretaria de Educação, através da rede estadual de ensino, vamos consegui alcançar mais gente. É uma satisfação poder contribuir com essa ação. A gente fica muito feliz por participar disso”, concluiu o gerente jurídico da Equatorial Energia, David Abdalla Pires Leal.

Participaram também da reunião, Rosyjane Paula, chefe da Assessoria Especial da Seduc; Thiago Rosado, chefe da Assessoria Jurídica da Seduc; o defensor público titular do Núcleo de Defesa do Consumidor (Nudecon), Luís Otávio de Moraes Filho, e a Consultora Comercial da Equatorial, Hyvanna Maygda Meireles Galucio.

Fonte: Seduc/DPE

Na noite desta terça-feira (11), o pré-candidato a prefeito de São Luís, Rubens Jr, deu continuidade à série de debates do Movimento “Diálogos por São Luís” em uma plenária na plataforma Zoom com vários convidados. A reunião teve como foco as políticas de abastecimento, produção e segurança alimentar na Zona Rural da capital maranhense. A conversa contou com a participação do Secretário de Estado de Agricultura Familiar, Júlio Mendonça e da presidenta da AGERP, Loroana Santana e de mais de 150 participantes. 


No bate-papo, Rubens evidenciou o potencial produtivo da Zona Rural e lembrou que algumas propostas para o fortalecimento dessas políticas em toda São luís já estão incluídas em seu plano de governo. Todas dentro das 100 propostas já apresentadas recentemente, graças ao diálogo com lideranças, especialistas e comunidades.  


“Apresentar propostas e debater com a população e especialistas é o que o mais temos feito, por isso, mais de 500 propostas já foram debatidas e 100 delas já foram disponibilizadas. Entre elas está as políticas ligadas à agricultura familiar, produção, escoamento, entre outros programas diretamente ligados a segurança alimentar”, disse Rubens. 


O Secretário de Estado de Agricultura Familiar, Júlio Mendonça, apresentou ideias que fortalecem as cadeias produtivas, a valorização dos agricultores familiares, as feiras livres e a gestão associada e com fluxos interligados que otimizariam toda a cadeia de produção em São Luís. 


Além disso, o secretário elogiou o trabalho de Rubens como deputado estadual e federal e a sua gestão à frente da Secid, e disse ficar tranquilo quanto ao seu projeto de gerir a capital maranhense. “Apoiar uma proposta que vai totalmente de encontro com a gestão do governador Flávio Dino é muito bom. Rubens é um grande parlamentar e homem público, que pavimentou a chegada do governador Flavio Dino ao governo do Estado”, declarou. 


Outra profissional e representante pública que enriqueceu o debate, foi a presidente da AGERP, Loroana Santana, que também falou dos desafios de melhorar todos os processos de produção, com inclusão de crédito rural e da assistência técnica. 


“A gente sabe do grande potencial que São Luís tem, porque é uma das capitais mais rurais do país. Quando a gente fala de São Luís estamos falando de muitas comunidades que tem uma disposição grande para a produção e uma grande diversidade que precisa de um olhar especial em cada cadeia produtiva. Um dos pilares para o desenvolvimento da agricultura familiar é a assistência técnica porque é esse profissional que vai expandir a visão do produtor. Além disso, o crédito rural já está incluído no plano de governo do Rubens e isso é de fato necessário”, ponderou.

terça-feira, 11 de agosto de 2020

 

Foto ilustrativa

 A revista Veja, destacou em seu site um estudo  feito por  pesquisadores da Fundação Getúlio Vargas (FGV), que aponta as  cidades mais ricas e as mais  pobres do Brasil,  tendo como o cálculo a renda média per capita e o nível de crescimento da cidade, foi elaborado um ranking.

Sete  municípios do Maranhão fazem parte da lista de extrema pobreza e menor renda per capita do Brasil, são eles:

Ranking com as cidades de menor renda média no Brasil (Município/Renda Média da População/Patrimônio Líquido Médio da População):


    • São João do Soter (MA) – R$ 36,33 – R$ 223,38 
    • Milagres do Maranhão (MA) – R$ 36,14 – R$ 425,07
    •  Turilândia (MA)– R$ 35,90 – R$ 75,48
    • Primeira Cruz (MA) – R$ 34,86 – R$ 86,62
    • Jenipapo dos Vieiras (MA) – R$ 34,72 – R$ 375,00
    • Centro do Guilherme (MA) – R$ 32,99 – R$ 258,64
    • Matões do Norte (MA) – R$ 26,70 – R$ 321,61
    • Fernando Falcão (MA) – R$ 19,89  – R$ 156,00

Fonte:

FAMEM vai suspender divulgação de notícias relacionadas às prefeituras

Por recomendação do Tribunal Superior Eleitoral - TSE, a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão  - Famem, suspenderá, a partir do próximo sábado (15), a divulgação de notícias relacionadas às prefeituras maranhenses.

A suspensão visa garantir a igualdade de oportunidades entre candidatos nos pleitos eleitorais.

Após construções e reformas de escolas em Pinheiro, prefeito Luciano diz que trabalho foi para dar dignidade aos estudantes e profissionais da educação

Após muitas construções, reformas e equipamentos de escolas, Luciano diz que trabalho foi para dar dignidade a estudantes e profissionais da educação.

“Hoje é o Dia do Estudante e quero reafirmar o meu compromisso com a educação de Pinheiro. Temos trabalhado para garantir mais dignidade aos nossos estudantes e profissionais da educação, construindo e reformando escolas e executando outras ações que reforçam a Rede Municipal de Educação”, disse o prefeito Luciano.

Luciano, neste dia do estudante garantiu que o trabalho desenvolvido até aqui vai continuar para melhorar ainda mais a educação de Pinheiro.

“O trabalho não para e continuarei lutando para tornar o nosso sistema educacional cada vez mais eficaz”, finalizou o prefeito Luciano. 

A pesquisa do Instituto O IBOPE, encomendada pela agência de publicidade Jakarta, feita entre os dias 01 e 03 de agosto, mostra que apesar do deputado federal Eduardo Braide está liderando com uma certa folga, provavelmente em São Luís vai ter segundo turno.

 Eduardo Braide 39%

Duarte Júnior 13%

Wellington do Curso (PSDB) – 9%

Neto Evangelista (DEM) – 8%

Bira do Pindaré (PSB) – 5%

Adriano Sarney (PV) – 3%

Detinha (PL) – 2%

Jeisael Marx (Rede) – 2%

Rubens Jr. (PCdoB) – 2%

Carlos Madeira (SDD) – 1%

Yglésio Moyses (Pros) – 1%

 

Neste momento, os que declaram voto em branco ou nulo somam 9% e os indecisos totalizam 6% das menções, pesquisa registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº MA-05532/2020.

sábado, 8 de agosto de 2020

Foi um enorme prazer participar deste projeto. Não apenas como deputado federal, acompanhando desde o seu primeiro mandato, mas também quando estive à frente da Secretaria das Cidades. Foi um privilégio integrar o governo Flávio Dino. Sei do esforço do governo, de forma permanente, para que a entrega acontecesse o quanto antes e, hoje de fato é a realização de um sonho”, destacou o deputado federal licenciado e pré-candidato a prefeito de São Luís, Rubens Jr, em seu pronunciamento feito na solenidade de entrega do Residencial José Chagas, na última sexta-feira (8).

A convite do Governo do Maranhão, Rubens Jr participou do evento. Na oportunidade, também ressaltou a sorte ter sucedido a ex-secretária das Cidades, Flávia Alexandrina e ser sucedido pelo atual secretário, Raimundo Reis Neto, que garantiu a continuidade administrativa.

O Residencial José Chagas, localizado na Avenida Ferreira Gullar, na Ilhinha, em São Luís, teve investimentos de cerca de R$ 20 milhões e foi concluído em junho, na gestão de Rubens Jr. São 8 blocos de 32 apartamentos, totalizando as 256 unidades. 

O governador do Maranhão, Flávio Dino, também comemorou a entrega. “São 256 famílias já estão deixando palafitas e indo para novos apartamentos que o Governo do Maranhão entrega. Obrigado aos presidentes Lula e Dilma Rousseff o PAC e o ‘Minha Casa, Minha Vida’. É hora de retomar obras assim, em todo o Brasil”, disse. 

O conceito do projeto do Residencial José Chagas foi construído com base nas normas de acessibilidade e pensado para que a disposição dos blocos possa possibilitar a integração entre os moradores, com acesso aos espaços de vivência, como praças e quadras. Além disso, as áreas do entorno dos conjuntos habitacionais possuem espaços destinadas para empreendimentos de áreas como saúde, educação e cultura.

Rubens lembrou da primeira vistoria feita ao lado das famílias beneficiadas, momento este de muita alegria e gratidão por todos os presentes. “É incrível realizar o sonho das pessoas. Essas famílias viviam em vulnerabilidade social e conquistaram a casa própria por meio do governo Flávio Dino. Governo este que muda a vida das pessoas para melhor”, disse.

Além do Residencial José Chagas, Rubens pontuou mais uma ação do Governo do Maranhão na região do bairro São Francisco e entregue na sua gestão. Uma praça coma academia ao ar livre, playground, pista de caminhada, uma quadra poliesportiva, uma quadra de vôlei.

As obras de urbanização do PAC Ponta do São Francisco englobam um conjunto de obras de urbanizações além de um aterro para construção de praça, quadras e uma avenida que interligará o bairro às vias vizinhas, o projeto também inclui obras de abastecimento de água, saneamento básico e melhoria da iluminação pública.

“Teremos aqui um grande avanço, um grande benefício, na medida em que esses R$ 7 milhões investidos pelo nosso Governo, em parceira com o Governo Federal e a Prefeitura de São Luís, vão garantir a urbanização de todo o território”, afirmou o governador Flávio Dino.

quinta-feira, 6 de agosto de 2020
Deputados Othelino Neto e Felipe dos Pneus, ao lado do secretário Carlos Lula, após receberem a confirmação de uma Policlínica em Santa Inês
O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), e o deputado Felipe dos Pneus (Republicanos), em reunião hoje com o secretário de Estado da Saúde (SES), Carlos Lula, receberam a confirmação de que o Hospital de Campanha montado em Santa Inês para o atendimento de pacientes da Covid-19 será transformado em Policlínica. O pedido foi feito pelo chefe do Parlamento maranhense ao governador Flávio Dino, reforçando a demanda apresentada pelo deputado Felipe.
O Hospital de Campanha foi instalado em Santa Inês no dia 2 de junho e teve as atividades encerradas no dia 31 julho. A estrutura será adaptada para receber a Policlínica, com previsão de entrega no mês de setembro. A unidade funcionará de forma complementar aos serviços ofertados pelo Hospital Macrorregional "Dr. Tomás Martins".
Othelino afirmou que esse é, certamente, um momento marcante para a população de Santa Inês, além de ser uma conquista que beneficiará, também, as cidades vizinhas. “Agradeço ao governador Flávio Dino e ao secretário Carlos Lula por terem atendido a essa demanda da população, que chegou através do deputado Felipe dos Pneus, que vem utilizando o seu mandato para levar benefícios para a cidade. É mais um avanço na saúde pública do Maranhão, em especial, da querida cidade de Santa Inês”, destacou.
Benefícios
Com o modelo de policlínicas, os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) são beneficiados com diversas especialidades, como Neurologia, Cardiologia, Otorrinolaringologia, Endocrinologia, Ortopedia, Clínica Geral, Pediatria, Ginecologia, entre outras. O deputado Felipe dos Pneus ressaltou que esse era um anseio antigo da população de Santa Inês.

“Quero agradecer ao governador Flávio Dino, ao secretário Carlos Lula e ao presidente Othelino, por sempre ser atencioso com as nossas demandas da cidade de Santa Inês. Em nome do município, agradecemos essa estrutura, que é um anseio muito antigo da nossa cidade e, com certeza, beneficiará toda a região”, completou Felipe dos Pneus.
O secretário Carlos Lula assinalou que as policlínicas são locais de referência em atendimento ambulatorial, além da realização de consultas e exames, em diversas especialidades, gratuitamente. O titular da SES disse, ainda, que, a partir do pleito apresentado pelo deputado Felipe dos Pneus na sessão plenária da semana passada, o presidente Othelino Neto entrou em contato com o governador Flávio Dino para viabilizar a melhor forma de atender às necessidades da região.
“Foi uma demanda atendida a partir de um diálogo importantíssimo. Após o pronunciamento do  deputado Felipe dos Pneus, de imediato tivemos a ligação do deputado Othelino, pedindo que víssemos as condições desse pleito ser atendido. Agora, a cidade de Santa Inês passa a ter mais um serviço de saúde, concretizando um sonho da população e, mais do que isso, permitindo o acesso à saúde com mais qualidade”, concluiu.

Prefeitura de São Luís - IPTU

2º Encontro Nacional de Proteção a Comunicadores

Instituto Vladimir Herzog

ABRAJI

Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa

Repórteres Sem Fronteiras

Repórteres Sem Fronteiras

Cotação do Dolar

Perfil

Contatos: 98 9121-1313
Whastapp: +55 98 9121-1313
Email: blogdofilipemota@gmail.com

Facebook